05/04/2011

Bruxelas afasta possibilidade de Lisboa recorrer a outro tipo de ajuda

Notícia tirada de aqui. Mais uma mostra do totalitarismo do fascismo financeiro. Recomendamos previamente a leitura dum artigo de Boaventura de Sousa Santos disponível aqui. Negrito do original.

A Comissão Europeia afastou hoje a possibilidade de Portugal poder recorrer a outro mecanismo de ajuda diferente daquele que está previsto desde há um ano e que pressupõe negociação de um programa de ajustamento económico com condições estritas.

«Os Estados-membros da Zona Euro chegaram a acordo para criar um mecanismo em maio último e é apenas isso que existe hoje», disse o porta-voz comunitário para os Assuntos Económicos e Monetários, acrescentando que «para além disto não existem outros mecanismos».

Amadeu Altafaj Tardio precisou que não há qualquer pedido ou conversações nesse sentido.
O Público noticia hoje que «responsáveis políticos nacionais e europeus estão a avaliar a possibilidade de a União Europeia conceder um empréstimo de curto prazo a Portugal antes das eleições legislativas antecipadas de 5 de junho».


Postar um comentário